top of page
  • ABRAPAC

Operações com apenas um piloto e a segurança de voo



Nos últimos anos a ideia da operação de um avião de linha aérea com apenas um piloto na cabine tem sido motivo de debate, e mais recentemente ao menos um grande fabricante de aeronaves se mostrou a favor dessa mudança.


Tal posicionamento conflita com o aprendizado do setor da aviação sobre a importância da presença de pelo menos dois tripulantes na cabine de voo durante a operação da aeronave, especialmente em momentos críticos como uma emergência, onde cada piloto desempenha papéis específicos, treinados regularmente e executados em sintonia visando a segurança de todos a bordo.


Ainda assim, o conceito da operação com apenas um piloto tem sido enfatizado nos debates sobre segurança.


Tendo em vista a seriedade do tópico em questão, que atinge todos os usuários do modal aéreo ao propor soluções que precisam ser mais estudadas sob o aspecto da segurança de voo, a ABRAPAC reforça seu apoio ao recente comunicado emitido pela Associação de Pilotos de Linha Aérea (ALPA), pela Federação Internacional de Pilotos de Linha Aérea (IFALPA) e pela Associação de Cabine Européia (ECA).


A segurança de voo é responsabilidade de todos, especialmente tripulantes, empresas aéreas, fabricantes e órgãos reguladores, e deve vir sempre em primeiro lugar.

 

Para ler o comunicado da ALPA, IFALPA e ECA, baixe o PDF a seguir:

ALPA-IFALPA-ECA-op-ed
.pdf
Download PDF • 108KB

Veja também estudo da NASA sobre operações com tripulação reduzida ou apenas um piloto:

An Assessment of Reduced Crew and Single Pilot Operations in Commercial Transport Aircraft
.
Download • 768KB



248 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo
bottom of page