• ABRAPAC

Risco de incidentes envolvendo balões cresce em julho

Atualizado: 8 de ago.



O perigo baloeiro é um tema recorrente no Brasil, e o mês de julho costuma ser o mais crítico do ano devido às festas de São João realizadas em todo o país neste período.


As áreas sob maior risco e incidência de balões concentram-se na região sudeste, o que eleva ainda mais a importância de estar atento ao voar pelas áreas terminais mais movimentadas do país.


Segundo dados da GRU Airport, administradora do principal aeroporto do país, somente em 2022 já foram registradas 20 ocorrências com balões, seis delas no mês de julho, em Guarulhos.


Uma situação grave, que gera riscos enormes para a operação aérea, demandando que os pilotos elevem ainda mais o seu nível de alerta e reportem sempre que avistarem balões na rota ou próximo à rota das aeronaves.


Aos que aderem à soltura de balões, cabe ainda ressaltar que a prática constitui crime, podendo provocar acidentes sérios com vítimas não apenas a bordo das aeronaves, mas também em solo.

3 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo